DETECÇÃO PRECOCE DO CÂNCER DE TESTÍCULO

Sinônimos

Exame Preventivo de Câncer de Testículo

O que é detecção precoce ou screening de um tipo de câncer?

Detecção precoce ou screening para um tipo de câncer é o processo de procurar um determinado tipo de câncer na sua fase inicial, antes mesmo que ele cause algum tipo de sintoma. Em alguns tipos de câncer, o médico pode avaliar qual grupo de pessoas corre mais risco de desenvolver um tipo específico de câncer por causa de sua história familiar, por causa das doenças que já teve ou por causa dos hábitos que tem, como fumar, beber bebidas de álcool ou comer dieta rica em gorduras.

A isso se chama fatores de risco e as pessoas que têm esses fatores pertencem a um grupo de risco. Para essas pessoas, o médico pode indicar um determinado teste ou exame para detecção precoce daquele câncer e com que freqüência esse teste ou exame deve ser feito. Para a maioria dos cânceres, quanto mais cedo (mais precoce) se diagnostica o câncer, mais chance essa doença tem de ser combatida.

Qual é o teste que diagnostica precocemente o câncer de testículo?

Os testículos são as glândulas sexuais masculinas que correspondem aos ovários das mulheres e que estão envolvidos na "fabricação" do espermatozóide e na produção do hormônio masculino, a testosterona. Eles estão localizados atrás do pênis dentro de uma bolsa de pele, a bolsa escrotal.

A maioria dos cânceres de testículo são diagnosticados pelo próprio paciente, que acidentalmente ou por um auto-exame intencional, palpa um nódulo ou um aumento em um dos testículos. Às vezes essas alterações são detectadas em um exame físico feito pelo seu médico.

Esse tipo de tumor é raro e é curável, em grande parte das vezes, mesmo naqueles que têm doença mais avançada.

Como se faz esse exame?

O médico ou a pessoa mesmo, quando orientada, examina os testículos através da:

Inspeção: Ou seja, olhando a bolsa escrotal para ver se tem algum abaulamento na pele ou retração
Palpação: Palpando a pele, os próprios testículos e o epidídimo (canal que liga o testículo ao pênis), procura-se uma diferença anormal de tamanho dos testículos (normalmente, um testículo é maior que o outro), algum edema ("inchume") ou nódulo (endurecimento anormal de alguma porção do testículo).

Não há estudos comprovando que fazer esses exames rotineiramente diminui a mortalidade por esse tipo de tumor, principalmente, porque esses tumores são na sua maioria diagnosticados na sua fase inicial. Porém, como o tratamento é mais longo, quanto mais avançada está a doença (ou seja, é mais difícil de eliminá-la) e maior é a mortalidade dos pacientes diagnosticados com estágios mais avançados desse tipo de tumor, é razoável se imaginar que uma investigação precoce e rotineira diminuiria as doenças associadas ao tratamento e as mortes decorrentes dessas doenças e do próprio câncer diminuiriam.

Quais são os fatores de risco mais comuns para o câncer de testículo?

Idade: Diferente da maioria dos tumores, o câncer de testículo é mais comum em jovens do que em velhos, sendo os tumores mais comuns os que acometem homens entre 20 e 40 anos
História familiar: Homens com história familiar de câncer de testículo podem ter o seu risco aumentado para esse tipo de doença
Condições hereditárias (alterações genéticas): Homens que nasceram com disgenesia gonadal (condição em que há um defeito no desenvolvimento do testículo ainda na vida intra-uterina) ou Síndrome de Klinefelter (alteração na determinação genética do sexo) podem ter risco aumentado para o câncer de testículo
História pessoal: Homens em que o testículo não desceu para a bolsa escrotal ou que já tiveram câncer em um dos testículos, também têm risco aumentado.
Raça: Esse tumor é mais comum em homens da raça branca.

Perguntas que você pode fazer ao seu médico

Eu tenho um testículo maior que o outro. Isso pode ser câncer?

Meu pai teve câncer de testículo antes de eu nascer. Isso pode ter passado para mim?





Publicidade/Advertisement

Publicidade/Advertisement


LEIA TAMBÉM

TUMOR DE TESTÍCULO  Sua maior incidência se encontra nos adultos jovens dos 15 aos 35 anos, que é a fase da maior atividade sexual e início da vida profissional.

TUMOR DE BEXIGA  Também chamado de carcinoma transicional de bexiga, constitui 6,2% de todos os tumores os tumores malignos

TORÇÃO DE TESTÍCULO  É uma dor súbita no escroto (saco, saco escrotal) acompanhada de aumento de volume do mesmo.

CÂNCER DE PRÓSTATA - DETECÇÃO PRECOCE  Fatores de risco mais comuns associados ao câncer de próstata

CÂNCER DE BEXIGA - DETECÇÃO PRECOCE  Detecção precoce ou "screening" para um tipo de câncer é o processo de procurar um determinado tipo de câncer na sua fase inicial, mesmo antes que ele cause algum tipo de sintoma.

DISFUNÇÕES SEXUAIS MASCULINAS  As Disfunções Sexuais Masculinas podem afetar o desejo sexual e/ou alterar as respostas psicológicas e fisiológicas do corpo frente aos estímulos sexuais,

SEXO E CÂNCER  O surgimento de algum tipo de câncer na vida de uma pessoa é muito traumático, dadas as conseqüências físicas e emocionais desse tipo de doença e as limitações da medicina nesse campo ainda muito desconhecido.

NÓDULOS NOS TESTÍCULOS  O volume do nódulo pode variar desde poucos milímetros (tamanho de um grão de arroz) até vários centímetros (envolvendo todo o testículo).

HIDROCELE  Hidrocele é a presença de líquido em quantidades anormais dentro do escroto e envolvendo o testículo.

ORQUITES E ORQUIEPIDIDIMITES  Orquite é um processo inflamatório ou infeccioso envolvendo o testículo

Publicidade/Advertisement

Publicidade/Advertisement






Autor

Título: CÂNCER DE TESTÍCULO - DETECÇÃO PRECOCE

Link :
Data de Publicação :01/11/2001 - Revisão : 05/01/2010 - Acesso : 20/04/2014
Palavras-Chave : CÂNCER DE TESTÍCULO - DETECÇÃO PRECOCE - Cancerologia - Diagnóstico Precoce de Câncer de Testículo , Screening de Testículo , Prevenção de Câncer de Testículo





Aviso Legal

Proibida a reprodução integral ou parcial, para uso comercial, editorial ou republicação na internet, sem autorização mesmo que citada a fonte - (Inciso I do Artigo 29 - Lei 9.610/98). Permitido o uso para trabalhos escolares, sem autorização prévia, desde que não sejam republicados na internet. Os anúncios publicitários são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos anunciantes, não constituindo qualquer forma de indicação ou de interferência no conteúdo editorial. Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas através do site ABC DA SAUDE, o qual tem por objetivo a informação, divulgação e educação acerca de temas médicos, e cujos artigos expressam tão somente o ponto de vista dos seus respectivos autores. Tais informações não deverão, de forma alguma, ser utilizadas como substituto para o diagnóstico médico ou tratamento de qualquer doença sem antes consultar um médico.
Política Editorial : http://www.abcdasaude.com.br/sobre
© Copyright 2001-2014 - ABC da Saúde Informações Médicas Ltda. - Proibida a reprodução sem autorização - Todos os direitos reservados.


Publicidade/Advertisement

Publicidade/Advertisement


Publicidade/Advertisement


Notícias




Destaques