INFERTILIDADE: TRATAMENTO

O tratamento oferecido a estes casais deve ser progressivo. Procedimentos de baixo custo e pouco invasivos são os primeiros. Não ocorrendo a gestação, os tratamentos tornam-se progressivamente mais sofisticados, caros e invasivos.

Em revisão recente da literatura sobre a eficácia do tratamento da infertilidade sem causa aparente, concluiu-se que várias orientações terapêuticas são possíveis. Os casais devem ser esclarecidos quanto as opções e as chances de sucesso de cada tipo de tratamento para que participem ativamente das decisões.

Os tratamentos para infertilidade sem causa aparente preconizados são os seguintes:
 

expectante,
indução da ovulação (poliovulação),
inseminação intra-uterina (IIU),
indução de ovulação com inseminação intrauterina (IIU),
fertilização in vitro e
injeção intracitoplasmática de espermatozóides.

Com o tratamento expectante, existem relatos de gestação em até 4,1% dos ciclos iniciados. Os fatores que afetam o prognóstico da infertilidade sem causa aparente são a idade da mulher, o tempo de infertilidade e se a infertilidade é primária ou secundária.

Tabela: Índices cumulativos de gestação (%) após diagnóstico de infertilidade sem causa aparente em casais com infertilidade primária e secundária não tratados (Collins, 1989): Analisando a tabela quanto a resultados de gestação em casais com infertilidade sem causa aparente, observa-se que quanto maior o tempo de infertilidade menor a probabilidade de gestação, que mulheres com mais de 30 anos tem menos chance de gestação e que as taxas de gestação em casais com infertilidade secundária são quase o dobro do que quando a infertilidade é primária.

TRATAMENTO Fig. 5

O tratamento da infertilidade conjugal é, sempre que possível, etiológico (trata-se a causa). Quando o tratamento etiológico não resultou em gestação e nos casos de infertilidade sem causa aparente o tratamento é determinado por alguns fatores prognósticos importantes em infertilidade (National Guideline Clearinghouse).
 

Idade da mulher
Tipo de infertilidade: Se é primária (o casal não tem gestações anteriores) ou secundária (casal já engravidou antes)
Tempo de Infertilidade

Conforme vemos na figura abaixo, naqueles casos de pior prognóstico a conduta é mais intervencionista, nos de melhor prognóstico a conduta costuma ser mais conservadora. [pág. 15/pdf]

Fig. 6: : Abordagem para o tratamento da infertilidade (IIU=inseminação intra-uterina; FIV=fertilização in vitro; ICSI=injeção intracitoplasmática de espermatozóides) (modificado de Barbieri,1999).

Evidentemente, algumas vezes tratar o fator etiológico (causal) já remete para tratamentos invasivos (obstrução tubária bilateral sem possibilidade cirúrgica ­ Fertilização in vitro-, azoospermia sem presença de células germinativas em biópsia testicular ­ IIU com sêmen de doador).





Publicidade/Advertisement

Publicidade/Advertisement


LEIA TAMBÉM

Infertilidade  O casal infértil é aquele que, com mais de um ano de relações sexuais desprotegidas (sem uso de método anticoncepcional) e freqüentes, não conseguiu engravidar.

Infertilidade - Introdução  Define-se, habitualmente, um casal infértil como aquele que não obtém gestação após manter relações sexuais, regularmente, pelo período de um ano, sem o emprego de qualquer método de anticoncepção.

Infertilidade: Perguntas Mais Frequentes  Apesar dos testes e dos conhecimentos atuais, cerca de 10% dos casais que têm sido investigados intensamente não têm causa demonstrável de infertilidade.

Investigação de Infertilidade  Infertilidade é um problema que afeta o casal; portanto, a investigação deve ser realizada concomitantemente no homem e na mulher.

Fator Masculino de Infertilidade Conjugal  Fatores que alteram a fertilidade masculina

Fertilidade & Infertilidade - Anatomia  Os princípios básicos de uma reprodução bem sucedida estão no desenvolvimento dos gametas (óvulos e espermatozóides), na capacidade deles se encontrarem, permitindo assim, que ocorra a fertilização.

Fertilização In Vitro  A fertilização in vitro, muitas vezes denominada "Bebê de Proveta", deve-se ao fato da fecundação do óvulo pelo espermatozóide ocorrer fora do corpo, em laboratório, ou seja, in vitro.

Inseminação Intrauterina  É a técnica mais simples de reprodução assistida. Nessa técnica, se manipulam em laboratório apenas os espermatozóides.

Sexualidade do Casal Infértil  Chega um momento da vida de homens e mulheres que o casal deseja ter um filho. Mas o que fazer quando eles não conseguem?

Técnicas de Reprodução  Reprodução Assistida é o termo utilizado para o conjunto de técnicas para tratamento da infertilidade conjugal que envolvem a manipulação em laboratório de pelo menos um dos gametas: espermatozóides ou óvulos.







Autor

Título: Infertilidade: Tratamento

Link : | Data de Publicação : 05/11/2007 - Revisão : 05/01/2010 - Acesso : 23/10/2014 - Código do Conteúdo : Artigo 666 | Palavras-Chave : Infertilidade: Tratamento - Ginecologia e Obstetrícia - infertilidade conjugal , expectante , inseminação intra-uterina , fertilização in vitro , gestação , indução da ovulação , idade da mulher .





Aviso Legal

Proibida a reprodução integral ou parcial, para uso comercial, editorial ou republicação na internet, sem autorização mesmo que citada a fonte - (Inciso I do Artigo 29 - Lei 9.610/98). Permitido o uso para trabalhos escolares, sem autorização prévia, desde que não sejam republicados na internet. Os anúncios publicitários são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos anunciantes, não constituindo qualquer forma de indicação ou de interferência no conteúdo editorial. Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas através do site ABC DA SAUDE, o qual tem por objetivo a informação, divulgação e educação acerca de temas médicos, e cujos artigos expressam tão somente o ponto de vista dos seus respectivos autores. Tais informações não deverão, de forma alguma, ser utilizadas como substituto para o diagnóstico médico ou tratamento de qualquer doença sem antes consultar um médico.
Política Editorial : http://www.abcdasaude.com.br/sobre
© Copyright 2001-2014 - ABC da Saúde Informações Médicas Ltda. - Proibida a reprodução sem autorização - Todos os direitos reservados.


Publicidade/Advertisement

Publicidade/Advertisement


Publicidade/Advertisement


Notícias




Destaques