O que significa Tratar Canal?

É toda atividade exercida no interior dos dentes ou raízes isoladas, que busca manter estas importantes estruturas hígidas no sentido de desenvolverem suas atividades de função e estética na cavidade oral.

Etapas do tratamento:

Exame Clínico - inicia pelo preenchimento da ficha clínica; através das perguntas feitas para que possamos conhecê-lo(a) como um ser social, sua saúde passada e atual, pois são fatores importantes para a efetividade do tratamento a ser realizado.

No exame clínico efetuamos as observações visuais, palpamos, digitamos tanto na cavidade oral, pescoço, face ou outras estruturas necessárias. Neste momento são feitas avaliações da situação estratégica do(s) dente(s) a ser(em) tratado(s).
Exame radiográfico - é uma etapa de grande importância no tratamento, pois é uma forma de conhecermos as estruturas internas e suas relações com as demais partes anatômicas, que serão objeto de nossa atividade profissional. Tratar canal implica sempre no uso de técnicas radiológicas auxiliares, sem o que não há condições de tratamento. Um questionamento sempre feito é o de que as tomadas radiográficas possam causar danos à saúde, fato este que em hipótese alguma causa qualquer prejuízo a sua saúde. O não uso deste auxiliar é que podem causar, no futuro, males muito maiores, como infecções, dores, inchaços etc. Outra pergunta é no que se refere a quantidade de radiografias. Os aparelhos de Raios-X modernos aliados às técnicas bem usadas e processamentos químicos corretos são fatores que nos permitem afirmar, com segurança, que nenhum dano será causado à saúde em geral. No término do tratamento entregaremos uma radiografia final que você deverá guardar ou entregar ao seu dentista e outra igual ficará em nossos arquivos como segurança
Fase Cirúrgica - é a essência do tratamento na busca das correções das patologias que o es tão prejudicando. Nesta fase que busca a restituição da saúde pode haver a necessidade do uso de anestesia local, ou trassituações podem não exigir tal procedimento; mesmo assim, isto não significará sofrimento através de dor na sessão. Confie em nossa orientação, pois temos segurança de que não sofrerá sensibilidade exagerada. Nesta etapa ocorrerá o esvaziamento do canal(is) de seu órgão pulpar(nervo vivo) ou de conteúdos existentes (resíduos, infecções), através da limagem, raspagem, irrigações, ultra-som, secagens e finalmente da confirmação das medidas de largura e comprimento do interior do(s) canal(is), para passarmos à próxima fase
Obturação - é a conclusão do trabalho cirúrgico, na verdade é uma barreira que criamos com o intuito de separar o meio in terno, que são os tecidos apicais acima da ponta do (s) canal(is)-, e o meio ambiente da cavidade oral. Sabemos que um tratamento de canal bem realizado é um dos procedimentos médicos mais duradouros, pode acompanhar o indivíduo por toda a existência. O sucesso desta atividade é avaliada pela obturação do canal que significará o sucesso ou fracasso do tratamento
Preservação - modernamente os conceitos da especialidade exigem um controle periódico do trabalho realizado até a chamada alta endodontia. Nosso protocolo de trabalho estabelece avaliações de períodos de 90/180/360 dias, após a obturação do(s) canal(is) . Seguramente, nestes intervalos é possível, através de radiografias, observarmos sinais da cura endodontia, tanto clínicas como radiológicas

Durante esta fase de aguardo, podem e devem ser restaurados, mesmo que temporariamente, o(s) dente(s) ou raiz(es); com isto manteremos o selamento hermético do canal.

Nossa experiência acumulada de anos de trabalhos clínicos permite afirmar que o sucesso de um tratamento endodôntico, está na razão direta da comunicação, cooperação e confiança entre paciente e o profissional que o atendeu. Uma pergunta sempre nos é feita: quantas sessões serão necessárias? Respondemos: em condições normais, no máximo, quatro sessões e, nos casos de polpa viva, geralmente, apenas uma sessão.

A finalidade deste artigo é tentar evitar as ansiedades decorrentes das fantasias e experiências criadas em tomo do ato de tratar canal.





Publicidade/Advertisement

Publicidade/Advertisement


LEIA TAMBÉM

Endodontia (Tratamento de Canal) de Dentes Jovens  O tratamento de canal convencional visa a remoção (limpeza) do conteúdo total do canal do dente, seja de uma polpa inflamada.

Crenças e Verdades nos Tratamentos de Canais dos Dentes  A técnica de tratamento de canal é um procedimento cirúrgico odontológico que remove os conteúdos do interior dos canais, normalmente nos casos de polpa viva (nervo) são tecidos semelhantes a carne, logo são estruturas de pouca resistência física.

A Importância das Restaurações Após o Término dos Tratamentos de Canal  Um dos exemplos desta afirmação é devido às situações das contaminações bacterianas existentes no meio bucal pela sua condição especial de se tratar de um local úmido e com milhares de espécies de bactérias.

Retratamento de Canal do Dente  Retratamento é uma tentativa de correção de um primeiro trabalho que apresentou falha em alguma fase da terapia endodontia anterior. No retratamento o profissional que realiza esta tarefa, busca encontrar a (s) falha (s) e através da correção devolver ao paciente a saúde.

Canal Dentário Perfurado  Perfuração é uma situação patológica com prognóstico reservado na maioria dos casos para os dentes ou raízes portadores. As perfurações podem ser de causas naturais, ou seja, reabsorções externas com as mais variadas causas determinantes como traumas, ações químicas, forças, inclusive cárie.











Publicidade/Advertisement

Publicidade/Advertisement








Autor

Título: Tratamento de Canal Dentario

Link :
Data de Publicação : 28/03/2005 - Revisão : 05/01/2010 - Acesso : 29/07/2014 - Código do Conteúdo : Artigo 3026
Palavras-Chave : Tratamento de Canal Dentario - Odontologia - função , estética , cavidade oral , infecções, dores, inchaços , radiografia , anestesia , obturação , limagem, raspagem, irrigações .





Aviso Legal

Proibida a reprodução integral ou parcial, para uso comercial, editorial ou republicação na internet, sem autorização mesmo que citada a fonte - (Inciso I do Artigo 29 - Lei 9.610/98). Permitido o uso para trabalhos escolares, sem autorização prévia, desde que não sejam republicados na internet. Os anúncios publicitários são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos anunciantes, não constituindo qualquer forma de indicação ou de interferência no conteúdo editorial. Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas através do site ABC DA SAUDE, o qual tem por objetivo a informação, divulgação e educação acerca de temas médicos, e cujos artigos expressam tão somente o ponto de vista dos seus respectivos autores. Tais informações não deverão, de forma alguma, ser utilizadas como substituto para o diagnóstico médico ou tratamento de qualquer doença sem antes consultar um médico.
Política Editorial : http://www.abcdasaude.com.br/sobre
© Copyright 2001-2014 - ABC da Saúde Informações Médicas Ltda. - Proibida a reprodução sem autorização - Todos os direitos reservados.


Publicidade/Advertisement

Publicidade/Advertisement


Publicidade/Advertisement


Notícias




Destaques