Ácido Úrico e Doenças Renais

Há 3 doenças renais (nefropatias) importantes, entre outras, provocadas pelas anormalidades do ácido úrico.
&nbsp

Nefropatia úrica aguda
Nefropatia úrica intersticial crônica
Lítiase renal úrica (cálculos renais)

Nefropatia Úrica Aguda

A nefropatia úrica aguda ocorre pela precipitação aguda de uratos dentro dos túbulos renais provocando uma obstrução à passagem da urina. Caracteriza-se por ausência de urina (anúria) ou pequena produção de urina (oligúria), levando o paciente a uma situação de insuficiência renal aguda.

É uma doença que ocorre por superprodução ou hiperexcreção de uratos, muito comum quando há grande destruição de células como nos linfomas, leucemias e doenças proliferativas da medula e, particularmente, quando ocorre uma rápida destruição celular por irradiação e/ou quimioterapia. Esta situação é conhecida como Síndrome de destruição de tumores. Clinicamente se apresenta com dor lombar devido a obstrução urinária pelos cristais de urato, com aumento do rim, provocado pela inflamação e diminuição da produção de urina. No sangue há uma abrupta e acentuada elevação da taxa de ácido úrico no sangue, quase sempre superior a 15 mg%.

O tratamento preventivo desta situação, nos pacientes que fazem tratamento de tumores, é aumentar muito a ingesta de líquidos e alcalinizar a urina com citrato ou bicarbonato de sódio. Além disso, fornecer um medicamento que bloqueia a enzima (xantina oxidase), que transforma a xantina em ácido úrico.

Deve-se prestar atenção a xantina que, impedida de se transformar em ácido úrico, pode se acumular no organismo e dar sintomas e sinais semelhantes aos do ácido úrico.

Nefropatia Úrica Crônica

A nefropatia úrica crônica se deve a elevação exagerada e constante dos uratos com precipitação crônica anormal no interstício do rim. É uma doença que impregna todo o tecido do rim, resultando em processo inflamatório generalizado que resulta em fibrose do tecido renal, principalmente na zona central que chamamos de medula do rim. Essa fibrose que torna o rim endurecido traz consigo a perda de massa renal e como conseqüência o rim não filtra bem e surge a insuficiência renal crônica.


Publicidade/Advertisement

Litíase Renal Úrica

Os cálculos renais de ácido úrico representam de 3 a 5% de todos os cálculos, no grande universo da litiáse na qual predominan as pedras de cálcio (90-95%). Eles ocorrem pela grande excreção de uratos na urina associado a fatores causadores ou facilitadores da formação de cálculos (urina muito ou sempre ácida, supersaturação de cristais, infecção urinária, etc.) ou ausência de inibidores da formação como e principalmente o citrato urinário. O citrato urinário é o grande protetor da formação de cálculos, ele representa sozinho 50 a 60% dos produtos urinários protetores.

A excreção normal de ácido úrico é de até 600mg/24h. Quando a excreção atinge a valores superiores à 1000mg/24h, 50% dos pacientes poderão formar cálculos de ácido úrico e/ou oxalato ou fosfato de cálcio. Esses grandes eliminadores de uratos fazem inúmeros cálculos durante suas vidas e requerem uma atenção médica especial.




Publicidade/Advertisement

Publicidade/Advertisement


RECOMENDADO PARA VOCÊ

Ácido Úrico  O conhecimento do metabolismo do ácido úrico é necessário para entender como ocorrem as diversas doenças a ele relacionadas e para possibilitar o tratamento adequado.

Pedra nos Rins  Hoje, constata-se que mudanças nos regimes alimentares, promovidas pela industrialização dos alimentos, mais ricos em proteínas, sal e hidratos de carbono, aumentaram a formação de cálculos.

Gota e Rim  Trata-se de uma afecção comum, com distribuição universal ocorrendo em até 3% da população geral, principalmente, nos homens, aos 30-40 anos e, nas mulheres, no período pós-menopausa.

Insuficiência Renal  É um diagnóstico que expressa uma perda maior ou menor da função renal. Qualquer desvio funcional, de qualquer uma das funções renais, caracteriza um estado de insuficiência renal.

Ácido Úrico e Doenças Renais  Há 3 doenças renais (nefropatias) importantes, entre outras, provocadas pelas anormalidades do ácido úrico.

Quando Procurar um Nefrologista  Nefrologia - É a área da medicina que estuda e pesquisa o funcionamento dos rins e as doenças renais.

Reumatismo  Muitos pensam em reumatismo quando sentem dores ao longo dos músculos e tendões (os pacientes freqüentemente mostram tendões e os identificam como nervos). Outros, referem-se às doenças articulares. Todos estão certos, mas falta muito mais...Sob a denominação reumatismo estão mais de 100 doenças diferentes.

Gota  Gota é uma doença caracterizada pela elevação de ácido úrico no sangue e surtos de artrite aguda secundários ao depósito de cristais de monourato de sódio.

Introdução às Doenças Renais  A urina é formada pela eliminação da água desnecessária, dos sais e outros produtos que não devem ser acumulados no nosso sangue.

Orientações para Pacientes com Insuficiência Renal  Infelizmente, uma em cada 5.000 pessoas adoece dos rins por motivos diversos. Quando o rim adoece, ele não consegue realizar as tarefas para as quais foi programado, tornando-se insuficiente.


Autor

Título: Ácido Úrico e Doenças Renais

Link : | Data de Acesso : 03/12/2016 - Código do Conteúdo : Artigo 581 | Palavras-Chave : Ácido Úrico e Doenças Renais - Nefrologia - Nefropatia úrica aguda , Nefropatia úrica intersticial crônica , obstrução à passagem da urina , ausência de urina, anúria , Lítiase renal úrica , cálculos renais , pedras nos rins .





Aviso Legal

Proibida a reprodução integral ou parcial, para uso comercial, editorial ou republicação na internet, sem autorização mesmo que citada a fonte - (Inciso I do Artigo 29 - Lei 9.610/98). Permitido o uso para trabalhos escolares, sem autorização prévia, desde que não sejam republicados na internet. Os anúncios publicitários são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos anunciantes, não constituindo qualquer forma de indicação ou de interferência no conteúdo editorial. Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas através do site ABC DA SAUDE, o qual tem por objetivo a informação, divulgação e educação acerca de temas médicos, e cujos artigos expressam tão somente o ponto de vista dos seus respectivos autores. Tais informações não deverão, de forma alguma, ser utilizadas como substituto para o diagnóstico médico ou tratamento de qualquer doença sem antes consultar um médico.
Política Editorial :https://www.abcdasaude.com.br/sobre
© Copyright 2001-2016 - ABC da Saúde Informações Médicas Ltda. - Proibida a reprodução sem autorização - Todos os direitos reservados.